Entenda o que é um site responsivo, sua importância e como adaptar

ArtigosCategory
11 min read
Beatriz Okubo

Quantas pessoas você conhece que têm smartphones? Provavelmente, muitas. Isso deve-se à mudança de hábitos dos últimos anos, o que tem interferido diretamente na criação de páginas da web. Nesse contexto, entender o que é um site responsivo é fundamental para que você entregue uma experiência agradável ao usuário.

Em tempos de transformação digital, são inúmeras as possibilidades de acesso à internet que uma pessoa possui. Pode ser pelo tablet, smartphone, computador, televisão e por aí vai. Se você deseja ver sua marca difundida em todos esses espaços, é preciso pensar em oferecer um site responsivo para seus usuários.

Não só fundamental para garantir um bom rankeamento nas primeiras páginas de uma pesquisa no Google, um site compatível com todos os dispositivos garante que o usuário navegue pelo seu blog, loja virtual ou site oficial de qualquer lugar e hora.

Isso é tentador para o marketing e autoridade da sua marca na internet, não é verdade? E é por isso que preparamos esse conteúdo exclusivo para que você entenda melhor o que é e sua principal diferença para um mobile, e como deixar seu site responsivo.

Ficou curioso? Leia o conteúdo até o fim!

O que é ser um site responsivo?

Entender o que significa um site responsivo é muito simples. Ele se refere aos websites, cuja definição da imagem não sofre distorções ou problemas de navegabilidade quando são acessados por outros dispositivos, como um smartphone.

Sabe quando você faz uma pesquisa no Google pelo seu celular e entra em um site com a letra muito reduzida ou que o texto sai mal diagramado na tela?

Pois bem, esse é um exemplo de um site que não se adapta ao dispositivo pelo qual o usuário o está acessando. Isso dificulta a experiência e pode gerar frustração que resultam na saída da página sem terminar de ler o conteúdo e na busca por uma publicação de mais qualidade no concorrente.

Nenhum empreendedor deseja ver a própria marca passar por isso, não é verdade? O objetivo do marketing de conteúdo é conquistar o engajamento com o público e fortalecer a autoridade da marca no espaço virtual. E, para isso, é preciso que a audiência permaneça no site, leia o conteúdo até o fim de forma clara e agradável para, quem sabe, conhecer mais sobre sua empresa para fechar negócio.

Portanto, é fundamental que os gestores pensem na evolução de suas marcas para muito além do desktop, uma vez que o dispositivo pode travar seus contatos.

Diante disso, para contemplar as necessidades da sua persona com o máximo de eficácia, entender o que é site responsivo e aplicar essas ideias à risca vai melhorar e muito os resultados de sua estratégia digital.

Portanto, um exemplo de site responsivo é aquele que facilita a compreensão do leitor independentemente do tipo de dispositivo utilizado, pois as configurações, tamanhos de tela, imagens, conteúdos se ajustam para a melhor usabilidade.

Qual é a característica de um site responsivo?

Diante do conceito, é possível perceber que o principal fator para a usabilidade de um site responsivo é sua capacidade de se adaptar a qualquer tela, seja desktop, notebook, tablet, smartphone, entre outros aparelhos. 

Este tipo de website permite que você acesse o site em qualquer modo de aparelho sem falhas, possibilidade diretamente ligada à adesão de um layout adaptável. 

O que é um site não responsivo?

Ao contrário de um site responsivo, este é aquele desenvolvido somente para ser exibido em computadores de mesa. Normalmente são portais mais antigos, que não se adequam aos dispositivos móveis, como celulares e tablets. 

Site responsivo X site mobile: qual a diferença?

Ter um site mobile ou responsivo não é mais uma opção, já é uma obrigação. Mas, você sabe a diferença entre os dois?

Um site responsivo é aquele desenvolvido para se adaptar aos diversos tipos de tela. Isso significa que a mesma página pode ser aberta em um desktop, tablet ou smartphone, sem apresentar problemas, pois é completamente funcional.

O site mobile, por sua vez, é construído para esses tipos de dispositivos. Ele é literalmente outro site. É verdade que atende bem às necessidades dos usuários que vão acessá-lo, mas, pode não ser tão prático para quem irá operá-lo. Isso porque, como é um outro canal, precisará ser administrado individualmente.

Portanto, o site responsivo é mais versátil e completo do que uma página com um template mobile. E, no final das contas, ele oferece um impacto bem mais positivo para sua estratégia de marketing digital, principalmente, quanto à exposição nos principais buscadores de pesquisa.

Por que o site responsivo é benéfico para o SEO? 

Foi-se o tempo em que a maioria dos acessos era feito via desktop. Claro que não podemos generalizar para todos os segmentos. 

Mas, quando o assunto é SEO, a verdade é que o Google já fez um comunicado oficial, dizendo que priorizará os conteúdos e plataformas desenvolvidos considerando essa tendência do crescimento de acessos via dispositivos móveis.

Para quem não sabe, SEO é a sigla para Search Engine Optimization. Em outras palavras, ele representa um conjunto de técnicas e recursos que visam à promoção de um conteúdo, de forma orgânica, para o topo das pesquisas do Google de acordo com a palavra-chave buscada.

Quer entender melhor o que é SEO? Confira esse conteúdo exclusivo do YouTube da GoDaddy:

Quais são as razões para deixar um site responsivo? 

Agora que você já compreendeu o que é responsivo, chegou a hora de considerar os principais motivos para melhorar a performance do seu site. São eles:

1. Aprimorar a experiência do usuário

Se um usuário fica satisfeito com seu site, aumentam as chances de ele fazer conversões e ainda indicar sua empresa para outros colegas.

Por outro lado, quando um visitante acessa sua página pelo celular e não encontra o que procura, provavelmente ele desistirá e partirá para outro site.

Atualmente, proporcionar uma boa experiência é fundamental para melhorar também os resultados de SEO.

2. Adaptar às novas tendências 

Segundo uma pesquisa da IDC Brasil, o mercado de telefonia móvel cresce 3,1% bi segundo trimestre de 2022, período em que foram vendidos mais de 11 milhões de aparelhos, isto é, cerca de 345 milhões a mais em relação ao mesmo período de 2021.

Outro levantamento interessante, este realizado pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, constatou que 90% dos lares brasileiros já têm acesso à internet. Em termos absolutos, são 65,6 milhões de domicílios conectados, ou seja, 5,8 milhões do que em 2019.

Esses dados mostram que a tendência é que as pessoas utilizem cada vez mais dispositivos móveis. Daí se dá a importância de manter um site responsivo, para a usabilidade da maior parcela de pessoas.

3. Aumentar a velocidade da página

O Google PageSpeed Developers recomenda que o conteúdo acima da dobra em um dispositivo móvel seja carregado em menos de 1 segundo, e o carregamento completo em menos de dois segundos.

No entanto, quando uma versão desktop é carregada no modo mobile, essa operação se torna inviável. Isso porque interfere na velocidade de carregamento, que, de forma mais lenta, prejudica o rankeamento do Google e, consequentemente, a leitura do usuário.

Desse modo, um site responsivo é mais leve para o uso em dispositivos móveis, por isso, é carregado mais rápido do que uma versão desktop.

4. Reduzir a taxa de rejeição

A tendência de usar um site responsivo é que os usuários permaneçam interagindo por um bom tempo na página, assim, reduzindo a entrada e saída rápidas.

Uma vez que o visitante não é bem recebido ao entrar na página, ele a fechará e se encaminhará para outras pesquisas.

Por isso, é fundamental tomar cuidado com a taxa de rejeição. Se ela estiver muito alta, pode ser que o Google interprete essa ação como um conteúdo não relevante. Assim, você poderá perder grandes posições na busca orgânica.

5. Elevar as vendas

De acordo com uma pesquisa feita pelo NXN Intelligence, a preferência pelo comércio eletrônico chega a 64% dos respondentes. Outro ponto é que sobre o aumento de compras online após o ápice da pandemia, 32% confirmaram um crescimento bastante significativo.

Sendo assim, os números concretizam a ideia de que ter um site responsivo para um e-commerce pode aumentar suas vendas e taxas de conclusão de compras.

6. Aumentar a taxa de conversão de Leads

Além do aumento das vendas, outra vantagem é o fortalecimento da conversão e geração de leads por meio de dispositivos móveis.

Por isso, se você usa as redes sociais para promover seus conteúdos, é importante que as páginas sejam responsivas. O usuário pode estar navegando nas redes e encontrar seu link no feed de notícias. Isso não seria ótimo?

Contudo, se, ao clicar, a página não for organizada, aumentam-se as chances de não conversão.

7. Compartilhar conteúdos nas redes sociais 

No momento que você entende o que é um site responsivo e suas funcionalidades, percebe que existem diversos benefícios em torno dele.

Um deles é o compartilhamento de informações nas redes sociais. Como o acesso acontece por celulares e tablets, cresce a possibilidade de as páginas serem compartilhadas pelos usuários. 

Além disso, ter uma única página responsiva torna a experiência mais interessante também para quem acessa um link compartilhado via celular por outra pessoa.

8. Adaptar para o futuro 

Um site responsivo é feito para diferentes resoluções, isto é, não importa qual a resolução da tela do dispositivo que o seu visitante utiliza, o layout irá se adaptar. Isso significa que quem tem um site responsivo está pronto para as inovações do mercado, uma vez que os dispositivos futuros poderão ser lançados com resoluções diferentes.

Como deixar meu site WordPress responsivo? 

Se você já viu ou teve um site com páginas desconfiguradas, que atrapalham a visualização dos conteúdos e das imagens, pode apostar que ele não é responsivo.

O design responsivo adapta a visualização para todos os tipos de dispositivos e tamanhos de tela. E, se você possui um site ou e-commerce em Wordpress, isso tem um grande peso, uma vez que a ferramenta é uma das mais utilizadas para publicações virtuais.

Você sabia que 35% dos sites na internet usam Wordpress? Muitas empresas optam por ela para fazer o site porque garante possibilidades de integração entre sistemas, tem facilidade de expansão, entre outras vantagens.

Como endereços amigáveis costumam apresentar bons níveis de ranqueamento no Google, saber como deixar seu site WordPress responsivo pode lhe gerar bons frutos.

Confira no infográfico abaixo quatro plugins que tornam seu WordPress responsivo.

4 plugins para tornar seu Wordpress responsivo

Abaixo, listamos 4 plugins que você deve implementar no seu WordPress para deixar seu site responsivo. Confira as características e benefícios de cada:

  • WPTAP: aplicativo que desenvolve "mobile themes" capaz de disponibilizar ferramentas para converter desktop em móvel. Além disso, apresenta recursos variados e tem fácil configuração;
  • Responsive: é um template desenvolvido para automatizar a adaptação de páginas para a visualização mobile. Neste caso, não é criado um novo layout de página, como acontece no WPTAP;
  •  WPTouch Pro 3: trata-se de uma ferramenta que possibilita a escolha de diversos temas para variados dispositivos. Sendo assim, ela permite que seu website tenha um visual moderno e responsivo para quem usar um site ou tablet, por exemplo;
  • MobilePress: dispositivo mais simples em relação aos demais, mas, apesar de não permitir muita customização, oferece configurações bem relevantes. 

Como adquirir um site responsivo? 

Muitas vezes, você já conta com um site pronto e vê uma oportunidade de adaptação como a solução perfeita. Mas — caso ainda não tenha suas páginas, ou não tenha problemas em desenvolver novamente —, poderá criar do zero o seu site completamente responsivo.

Caso escolha a segunda opção, a boa notícia é que a GoDaddy tem um criador de sites que vai ajudar nessa missão com toda a praticidade que você merece!

Veja como criar um site profissional com a GoDaddy:

A infraestrutura oferecida pela GoDaddy garante a melhor performance de navegabilidade, estabilidade, segurança e personalização para seu site oficial.

Escolha o seu domínio e comece agora mesmo a fazer o seu projeto com a estrutura ideal para ser bem rankeado no Google e nos demais buscadores.