Diferença entre UX e UI e o papel na experiência do cliente

ArtigosCategoria
Tempo de leitura:7 min
Amanda Britto

Quem tem um site, independentemente do nicho, precisa seguir a máxima de que: o usuário é o centro de tudo. O que significa que todas as páginas devem garantir uma navegação fácil e intuitiva. Nesse cenário, alguns conceitos surgem e muitos se confundem. É o caso de dois termos que abordaremos ao longo deste guia que visa explicar qual é a diferença entre UX e UI.

Já adiantamos que ambos estão relacionados, mas não significam a mesma coisa, possuindo atribuições diferentes no trabalho de uma empresa. 

Contudo, antes de listamos as diferenças, vamos conhecer as semelhanças, afinal, os dois têm como foco o design de produtos digitais e a qualidade das interações da marca com o usuário. 

Ou seja, eles desempenham papéis complementares na criação de uma experiência digital eficaz e agradável.

Dito isso, seguimos para entender mais detalhes sobre o que eles são, qual diferença entre UX e UI e mostrar o papel de cada um deles.

Logo, nosso convite é que você continue lendo este artigo e aproveite todas as dicas para se tornar uma autoridade na internet!  

O que é UI e UX?

Para entender a distinção entre UI e UX, nada melhor do que conferir uma descrição detalhada sobre cada um deles, não é mesmo? Então, vamos lá! 

O que é UI?

UI é a sigla para User Interface ou, em português, Interface do Usuário.

O método se concentra nos elementos visuais e interativos que compõem a experiência do usuário com um produto ou serviço digital.

Tudo o que é desenvolvido pelo UI é usado para desenvolver uma área de interação, capaz de direcionar as pessoas a executarem determinadas ações. 

Então, vamos supor que você tenha um e-commerce, certo? Logicamente a intenção é sempre fazer com que os usuários comprem seus produtos ou serviços. É nesse ponto que entra a técnica de User Interface

Para isso, um profissional de UI design vai pensar em elementos como:

  • cores;
  • fontes;
  • imagens;
  • tipos de botões, etc. 

Todos elementos que direcionam as pessoas às compras. 

O design de UI se concentra:

  • na aparência estética;
  • na disposição das informações;
  • em cores;
  • na tipografia e outros aspectos visuais do produto.

A UI também abrange a organização e a disposição dos elementos na tela, garantindo que os usuários possam navegar e interagir de forma eficaz.

Resumindo, o UI liga um usuário a um produto ou serviço por meio de uma interface

O que é UX?

UX ou User Experience ou, traduzindo para o português, significa experiência do usuário. 

Suas práticas se concentram na otimização da experiência global de um usuário e na sua jornada.

Até o final dos anos 80, essa técnica era desconhecida para a grande maioria dos profissionais. Foi Donald Norman, um especialista em usabilidade que ajudou a difundir os estudos. 

No início, o UX era usado mais para a criação de interfaces, mas vale destacar que o termo abrange muito mais pontos. 

O objetivo é entender todo o comportamento do usuário para então desenvolver soluções que estejam alinhadas a essas condutas e deixem o caminho mais fluido, sem barreiras, gargalos ou interrupções. 

O resultado é um cliente mais satisfeito ao longo e ao final do contato com a marca, que pode acontecer por meio de um site, produtos ou serviços. 

No caso de um site, então, além de escolher um layout agradável, é necessário responder questões, como: quais cores provocam boas sensações nos clientes? E ainda, como deixar a navegação mais simples, rápida e prazerosa em quaisquer dispositivos?  

Para que tudo isso aconteça, o UX envolve a compreensão das necessidades, expectativas e desejos dos usuários, bem como a criação de soluções que atendam a essas necessidades.

Qual a diferença entre UX e UI?  

A diferença entre UX e UI está no fato de que o primeiro se concentra na experiência global e na jornada do usuário, enquanto o UI se dedica à criação dos elementos que compõem essa experiência. Logo, o UI tem uma visão micro enquanto o UX possui uma ação macro.

Em outras palavras, o UI pensa em soluções para o usuário dentro de uma interface específica.

Já o UX trabalha para que a persona tenha satisfação com o site como um todo. 

Como aplicar o UI e UX no seu site?

Entendido o que é UI e UX, seguimos para compreender o passo a passo para aplicar essas metodologias.

Conheça sua persona

Conhecer a sua persona é imprescindível e para isso você precisa saber muito mais do que a idade, gênero sexual e preferências dela. 

Mas, também, quais são as dores que ela precisa resolver e como é o seu comportamento dentro de páginas virtuais. 

Para isso, investigue o seu público. Realize pesquisas pessoalmente ou faça-as on-line. 

Quanto mais informações você tiver, maior será a assertividade das suas ações.

Otimize o seu site

Outra dica muito importante é apostar na otimização do seu site. Com o Search Engine Optimization, que significa Otimização para Ferramentas de Busca (SEO), é possível deixar as páginas mais rápidas e navegáveis para desktop e dispositivos móveis. 

Crie conteúdo de valor

Pegando carona no SEO, a criação de uma boa experiência para os usuários que chegam aos canais da sua empresa também propõe a criação de conteúdos para todas ou, ainda, os principais departamentos ou categorias do seu site. 

Aliás, essas ações não só melhoram a experiência do usuário, como ajudam as páginas a aparecer nos motores de busca.

Os benefícios do UI e UX

Agora que você já conhece a diferença entre UX e UI podemos começar a observar algumas semelhanças, entre elas, as vantagens oferecidas pelos dois métodos. 

Ambos proporcionam muitos benefícios para os seus negócios digitais. O primeiro deles é a conquista e a fidelização dos clientes. A partir desses pontos, é possível ter muito mais acessos e, claro, conversões. 

A seguir, listamos outros benefícios que investir em UI e UX pode trazer para sua empresa:

  • retenção de usuários e clientes, afinal, uma boa experiência mantém as pessoas  engajadas e aumenta a probabilidade de retorno;
  • aumento da conversão: melhorias na usabilidade e no design podem levar a um aumento das vendas, geração de leads e outras conversões importantes para o negócio;
  • lealdade do cliente: sim, uma boa experiência tende a ampliar seus números de retenção e fidelização de compradores. Como vimos, mesmo com as diferença entre UX e UI, ambos proporcionam melhores experiências para usuários;
  • redução do volume de pedidos de suporte: uma interface intuitiva reduz a necessidade de suporte ao cliente, pois os usuários podem resolver problemas por conta própria;
  • análise e melhoria contínua: A coleta de dados sobre o comportamento do usuário pode fornecer insights valiosos para melhorar constantemente o produto, e mais.

Sem contar que você passa a ter todas as armas para sair à frente da concorrência. 

Para ter acesso a todas essas vantagens, você precisa ter ferramentas que te auxiliem a melhorar a experiência do cliente, considerando as diferenças entre UX e UI e atendendo às suas múltiplas demandas. 

Nesse sentido, te convidamos a conhecer as soluções digitais da GoDaddy, especialmente nosso criador de sites, que oferece tudo o que você precisa para ter um site que oferece uma excelente experiência aos visitantes.

Conheça o criador de sites da GoDaddy e crie um site gratuito, otimizado para dispositivo móvel e veja ele alavancar seu desempenho.