O que é um CMS e para que serve? Saiba tudo!

ArtigosCategoria
Tempo de leitura:11 min
Amanda Britto

O conteúdo é um dos elementos mais importantes de uma estratégia digital, mas para que seja bem feito e otimizado, ele precisa estar consolidado em uma ferramenta segura. Nesse cenário, é essencial que você aprenda o que é CMS (Content Management System).

Esse conjunto de funções e ferramentas é totalmente direcionado para seus conteúdos e saber utilizá-lo vai fazer muita diferença na eficiência do gerenciamento da sua página na internet.

Para você ter uma ideia da dimensão do mercado de CMS, atualmente há mais de 73 milhões de sites ativos que usam esse sistema para gerir o conteúdo online, segundo a First Side Guide.

E, desse total, o WordPress surge como o mais relevante: a empresa conta com uma fatia de 30% do mercado mundial, o que representa mais de 30 milhões de sites no ar. Logo atrás dele vem outras opções famosas, como o Wix e o SquareSpace.

Diante disso, para você que deseja criar e gerenciar seu próprio site, nós preparamos esse conteúdo especial sobre Content Management System (CMS). Com respostas às principais perguntas como:

  • O que é CMS de um site?
  • Qual é o significado de CMS?
  • Qual a principal função de um CMS?
  • Quais são os principais CMS do mercado?
  • Qual a melhor opção para seu negócio?

As respostas para essas e outras perguntas serão respondidas logo abaixo. Confira o artigo até o fim e saiba mais!

O que é CMS e para que serve?

Um CMS é um sistema de gerenciamento de conteúdo, utilizado para facilitar a criação, atualização e manutenção de um site. Ele funciona como uma espécie de central onde você pode facilmente adicionar elementos em seu site, de forma simples sem depender de um programador para isso.

Criar conteúdo e publicá-lo era, há alguns anos, uma tarefa que exigia muito conhecimento de desenvolvimento e programação.

Entretanto, o CMS surgiu como uma alternativa para facilitar a vida de quem queria investir em um blog profissional ou pessoal, por exemplo, e tornou-se algo muito maior ao longo do tempo.

Hoje, qualquer usuário que tenha um conhecimento pequeno de computação consegue fazer seu próprio conteúdo sem maiores problemas, com ferramentas e interfaces totalmente intuitivas, claras e didáticas, como é o caso do WordPress, uma das ferramentas mais utilizadas atualmente.

Além disso, muito se discute sobre a importância de desenvolver um site dinâmico, com alterações periódicas no conteúdo. Nesse sentido, um bom CMS permite que você faça isso de maneira eficaz e organizada.

Como ele, você pode criar qualquer tipo de sites, como:

  • plataforma institucional da marca;
  • loja virtual;
  • blog;
  • sites para projetos especiais, entre outros.

Entretanto, se criar um site do zero ainda parece um bicho de sete cabeças para você, a nossa dica é que assista ao vídeo abaixo, que apresenta o WordPress, a ferramenta CMS mais famosa do mundo! Nele você vai começar a ver que é muito possível ter o seu site,do seu jeito, sem muito mistério!

Qual é o significado de CMS?

CMS é uma sigla para o termo Content Management System. Em português, seria algo como um Sistema de Gerenciamento de Conteúdo. Por meio dele é possível escrever, editar, publicar e até mesmo fazer algumas análises básicas de conteúdos variados, em plataformas online, como um site, por exemplo.

Qual a principal função de um CMS?

A principal função de um CMS é facilitar a criação, edição e organização de sites, sem que você precise ter conhecimentos técnicos em programação. Com um CMS usuários comuns podem montar e manter seus próprios sites, e-commerces e blogs sem maiores dificuldades. Tudo a partir de uma interface simples e poderosa.

Quais as melhores opções de CMS do mercado?

Agora que você aprendeu um pouco mais sobre o que é CMS e o que ele faz, veremos então quais são os principais e melhores do mercado.

Selecionamos 5 nomes de peso, e o primeiro deles você provavelmente já ouviu falar. São eles:

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada um deles.

WordPress

Podemos dizer com facilidade que o WordPress é o CMS mais conhecido do mundo, com números impressionantes, chegando a mais de 43% de todos os sites, segundo pesquisa recente da W3Techs (maio de 2023)

Nesta mesma pesquisa também podemos ver que o WordPress possui um market share de 63,2%.

Com todos esses dados, você pode ter uma ideia da força que esse CMS possui no mercado. Mas, qual é o motivo?

O WordPress possui fácil utilização, é leve e tem uma infinidade de recursos que podem ser instalados em forma de plugins e templates, agilizando e facilitando ainda mais o seu uso.

O WordPress ainda conta com plugins e extensões com funções para maximizar a presença e o marketing digital da marca, além de criar estrutura de e-commerce, como no caso do plugin Woocommerce.

Para completar, o sistema possui uma versão gratuita que te entrega as principais funções de um excelente CMS, porém sem domínio próprio. 

Nesse caso, você teria que fazer um upgrade para sua versão paga, que não possui um preço muito vantajoso.

Mas, é aqui que temos uma boa dica! Para que você não precise pagar caro pelo WordPress com um serviço de hospedagem limitado, a melhor opção é contratar um serviço de hospedagem que já inclua o WordPress. Como a GoDaddy, por exemplo.

Dessa forma você vai ter um criador de sites, domínio e hospedagem com um único serviço contratado. 

Wix

O Wix é um serviço com recursos mais simples para quem busca facilidade e agilidade na criação e manutenção de seus sites.

Ele não possui tantos recursos como o WordPress, mas entrega uma interface muito intuitiva e amigável, fazendo dele uma boa opção para quem procura algo mais simples para começar.

Com ele também é possível começar com um plano gratuito e fazer o upgrade mais tarde conforme sua necessidade.

Shopify

O Shopify é um CMS voltado para quem deseja criar um e-commerce, permitindo que empreendedores criem suas lojas e façam a gestão dentro da própria plataforma.

Como ele é um produto voltado para e-commerce, você encontra diversos recursos específicos para quem busca esse tipo de CMS.

Com ele também é possível fazer a instalação de plugins que podem te ajudar com tarefas específicas dentro da plataforma.

Leia também: Novo criador de site e e-commerce + plano de marketing digital – 18 ferramentas para você usar!

Joomla

O Joomla também é um CMS bem conhecido, figurando entre um dos melhores e mais usados em todo o mundo, permitindo a criação e administração de sites de forma bem flexível e personalizada, mesmo para projetos grandes e robustos.

Além de toda a confiança que este CMS passa com seus recursos, ele também conta com uma ótima variedade de templates e temas, além de permitir personalizações com instalação de diversos plugins, módulos e componentes.

É uma solução open source, com uma comunidade enorme de apoiadores e usuários. Além de contar com diversos recursos atualizados ajudando na segurança e dando tranquilidade aos seus usuários.

É um CMS gratuito e muito recomendado, mas não oferece hospedagem nem domínio. Para usá-lo você precisará contratar estes serviços. Aqui você encontra diversas opções.

Drupal

Drupal também é um conhecido CMS, figurando entre os principais utilizados em todo o mundo, graças a sua capacidade de lidar com dados e informações, além de suas funcionalidades avançadas. 

O CMS é muito utilizado por universidades e portais de notícias como o The Economist.

Devido ao seu grande poder de escalabilidade e desempenho, seu uso pode exigir um conhecimento técnico maior que seus concorrentes.

Assim como WordPress e Joomla, o Drupal também é um CMS open source. Ou seja, seu código é aberto possibilitando muito mais segurança e transparência em seu funcionamento.

Como escolher um bom CMS?

Para escolher um bom CMS é preciso se atentar a alguns fatores. Lembrando que cada pessoa ou empresa possui suas próprias necessidades de uso, e o CMS precisa se encaixar da melhor forma possível em cada uma delas.

Para facilitar a sua escolha, separamos alguns pontos que precisam ser considerados na hora de escolher o CMS do seu site.

Qual é a sua necessidade?

O primeiro ponto que você precisa considerar é a sua necessidade de uso.

Qual é o tipo de site que você deseja criar? Quais funcionalidades você precisa ter em seu site?

Entenda tudo aquilo que você precisa ter em seu site e faça a correlação de quais são os CMS que melhor podem suprir essa sua necessidade.

Leia também: Elementos de um site PRO: lista de essenciais e complementares!

Flexibilidade e escalabilidade

Dependendo da sua necessidade, pode ser que você precise lidar com um grande número de acessos e usuários em seu site.

Se esse é o seu caso, utilize CMS que tenham flexibilidade para lidar com essas questões. Para que assim você não precise mudar de serviço no futuro.

Suporte

Um bom suporte é essencial quando usamos um serviço. Além de ótimo suporte, alguns CMS possuem comunidades de usuários que ajudam muito em dúvidas sobre o uso da ferramenta.

Escolha um serviço que te ofereça velocidade na resolução de problemas e a confiança necessária.

Segurança

É claro que você não vai querer lidar com problemas de segurança em seu site. Por esse motivo, é importante levar esse item em consideração.

Por mais que as opções encontradas aqui sejam bem seguras, algumas delas podem oferecer uma segurança mais robusta e personalizada às suas necessidades.

Confira o que cada um dos CMS tem a oferecer e quais são as vulnerabilidades que cada um deles pode ter.

Custos

E claro que não poderíamos deixar de falar dos custos envolvidos. Apesar de alguns CMS serem gratuitos, eles podem precisar de complementos pagos. Ou mesmo não oferecer tudo o que você precisa para ter o seu site.

Portanto, leve em consideração tudo aquilo que você vai precisar e o custo total envolvido. 

Como dissemos anteriormente, alguns serviços de hospedagem como a GoDaddy, já oferecem CMS gratuitamente ao contratar os serviços de domínio e hospedagem. Ajudando a economizar muito, em relação a outras opções.

Inclusive, você pode ter um site WordPress e aproveitar as soluções da GoDaddy!

Entenda a evolução do CMS

Apesar de ser algo revolucionário, o que é CMS para nós é praticamente incomparável com aquilo que era oferecido antes.

As primeiras plataformas eram limitadas e não entregavam muitas opções de personalização ou otimização do que era publicado, o que fazia com que publicar conteúdo, mesmo com a utilização delas, fosse algo para quem realmente queria explorar o sistema e investir tempo nele.

Quando vemos o WordPress, por exemplo, na geração atual, nos deparamos com uma ferramenta que permite criar uma página completa sem precisar de nenhuma aptidão técnica, além das inúmeras opções de layouts gratuitos, fontes e organização dos blogs. 

Você pode, por exemplo, utilizar um criador de sites eficiente e só trabalhar com o conteúdo quando desejar.

Com o uso de CMS nas páginas criadas nos últimos anos, só não cria conteúdo quem não quer, e com a importância de ter um blog profissional para ganhar mais visibilidade e autoridade em seu site, isso é ainda mais importante!

Além disso, a GoDaddy também oferece várias possibilidades de planos de hospedagem WordPress para seu site.

Saiba mais e comece já!

Gostou de saber o que é CMS? Já trabalha com algum? Aproveite e confira também como escrever um ótimo conteúdo!

Produtos Utilizados